As Irmãs Siamesas

As Irmãs Siamesas estreia com direção do francês Sébastien Brottet-Michel. Projeto das atrizes Cinthya Hussey e Nara Marques coloca em cena texto sensível e contundente de José Rubens Siqueira.

SINOPSE

Com encenação de Sébastien Brottet-Michel, diretor francês e ator do Théâtre du Soleil, desde 2002, o espetáculo As Irmãs Siamesas, de José Rubens Siqueira, estreia no dia 5 de outubro (sexta, às 21h), no Teatro Aliança Francesa. A peça revela a complexidade e ternura da alma feminina, inserida na relação familiar, a partir do reencontro de duas irmãs, interpretadas por Cinthya Hussey e Nara Marques, após a morte da mãe.

 

Sinopse

A morte da mãe provoca o encontro e o confronto entre Marta, a irmã mais velha e cuidadora da mãe, e Maria, que partiu para uma vida nova em São Paulo. Frias e distantes, elas entram em casa envoltas pelo incômodo da presença uma da outra e precisam reaprender a se comunicar. As lembranças são inevitáveis. Cada memória vem carregada de rancor, mágoa, acusação ou mesmo ternura, leveza e humor. O passado é o fantasma de Marta que acredita não ter tido a oportunidade de ser feliz, obrigada a permanecer numa cidade do interior, carregando a responsabilidade da mãe doente sem opção de viver a própria vida. Agora, sente-se ainda mais perdida, sem a mãe e sem o filho que vive fora do país.

As Irmãs Siamesas foi escrita em 1986, rendendo o Prêmio APCA de Melhor Autor a Siqueira. As particularidades da alma humana, a personalidade e a individualidade aparecem de forma natural e contundente no reencontro de Marta e Maria. A magia da peça está na simplicidade em como apresenta duas personalidades tão distintas na superficialidade e tão similares no íntimo. O afeto é o frágil elo que une Marta – mulher forte, severa, amarga e retraída, mas que comove por sua naturalidade – e Maria – jovem urbana, ousada, instintiva e de alma livre. Ao espectador cabe a imersão nessa história sensível que discute o tempo por meio das relações familiares e das consequências das escolhas do passado, ampliado pela ótica do feminino.

Sobre a direção, Sébastien Brottet-Michel diz que o fundamental é expor as características das personagens. “O caminho não é a busca psicológica dessas características, mas a imaginação, tanto a minha quanto a das atrizes, sobre o que é necessário para contar a história. O corpo do ator deve ser uma entidade que recebe a personagem; o psicológico vem pelo estado do corpo e da imaginação”. Sébastien afirma que não importa a interpretação propriamente dita, mas o fato de que as atrizes vivam, literalmente, as mulheres do texto com a máxima verdade. Segundo ele, o espectador precisa ler o corpo do ator a partir da possibilidade que o ator lhe dá. “Buscamos pelo melhor momento, pelo estado que trouxe a verdade para encantar a realidade por meio do deslocamento poético. Isto é percebido pela respiração, pela tensão interior. A emoção vem das descobertas em cena. E o drama é vivo: oferece-nos estados e diferentes possibilidades”. E com relação ao texto de José Rubens, o diretor diz que espera que o público se reconheça nas personagens, pois “o luto é inerente a todos, e a morte do pai ou da mãe é como um muro que desaba, trazendo a consciência da nossa própria finitude”.

FICHA TÉCNICA

Direção: Sébastien Brottet-Michel | Elenco: Cinthya Hussey e Nara Marques | Cenografia: Marisa Rebollo | Figurino e Visagismo: Kene Heuser | Iluminação: Rodrigo Alves ‘Salsicha’ | Trilha sonora e sonoplastia: Wayne Hussey | Produção executiva: Maristela Bueno | Direção de cena: Nicolau Ayer | Assistência de direção: Thiago Lima | Assistência de produção: Sabrina Nask | Assistência de figurino: Léo Sgarbo | Cenotécnica: Armazém Cenográfico | Design gráfico: Francisco Júnior (Juh Ninho) | Fotografia: Heloísa Bortz | Assessoria de imprensa: Verbena Comunicação | Produção: Daniel Torrieri Baldi | Realização: Ecoman Produções Artísticas |

SERVIÇO

As Irmãs Siamesas

Temporada: de 5 de outubro a 2 de dezembro
Horários: sextas e sábados às 20h30 e domingos às 19h00
Gênero: Drama
Classificação Indicativa: 14 anos
Duração: 80 min
Ingressos:  R$40,00(inteira) | R$20,00(meia)
Local: Teatro Aliança Francesa

INGRESSOS

R$ 40,00 (inteira) | R$ 20,00 (meia)
Bilheteria do Teatro Aliança Francesa abre 2h antes do início dos espetáculos.
Vendas pela Internet através do site www.ingressorapido.com.br | 4003-1212